História de Lian

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

História de Lian

Mensagem por Dancain em Qua Abr 19, 2017 4:58 pm

Lian Thundriel

A Origem.
Lian não Lembrava de quase nada, apenas de uma provável explosão que obliterará sua mente. Acordando e ainda atordoado apenas sentia uma sede crescente e insaciável, para suprir a alma que o deixará.

O Cair das Noites
Lian ainda vivia sem suas memorias, não haviam retornado, seu passado se resumia a apenas sonhos pouco reveladores de um mundo longínquo, mas em compensação aprendia rápido sobre a nova e estranha não vida. Djjyn era o nome pelo qual seu mentor era mais conhecido, seu “salvador”. Dizia-se um Ravnos, era aceito como tal, o que o mais intrigava Lian era sua sabedoria a respeito das coisas que os outros Kindreds não tinham a menor ideia da existência, ou, da origem. Lian aprendia tudo o conhecimento que podia, para suprir a falta de suas lembranças, enquanto admirava seu mestre. Dijyn, por sua vez, encantava-se com sua criação, pois sua progene nascera com habilidades incríveis, Quimerismo estava na essência do Príncipe adormecido, bem como Mytherceria, ambos dons diretamente ligados a sua origem embebida em glamour.

No ano de XXXX Dyjin partiu, sem se despedir e deixar qualquer rastro, após passarem decadas de aventuras e roubando e adquirindo todo conhecimento de cada biblioteca secreta e tesouro escondido na Europa, Africa e Asia. Thundriel, não era mais um neófito, nunca entendeu o desaparecimento de seu mentor, sua alma parecia querer deixa-lo novamente. Nada fazia mais sentido, a não ser a busca de um, Lian passou a perseguir todos os segredos que podia na busca de saciar sua compulsão, seus melhores amigos eram seus livros, a humanidade foi ficando de lado, cometia todo tipo de agressão a sua origem bela e gentil, a besta reinava. O mais próximo que chegava de um homem sem o devorar, era para torna-lo seu Lacaio, pois de alguma forma tal individuo tinha algum dom, conhecimento, ou destino a selar.

África
Foi na África que Lian confrontou a sua besta e mergulhou profundamente em um estado animal e espiritual, ao conhecer um estimado Sacerdote da região, um Laibon, que revelou-lhe alguns segredos do futuro, foi só por isso que não o assassinou. O Sacerdote previu que deveria guiar o caminho de Lian pelas estrelas dos céus e predadores das florestas. Thundriel passou décadas aprendendo com o novo mestre, desenvolveu taumaturgia africana, e Ambowe. Passou guiar seu destino pelas visões, acalmando suas buscas sem sentido. Nesse período de estabilização e retorno ao controle da mente e espirito, Lian, mais uma vez foi abandonado e por mais habilidoso que tivesse se tornado não conseguia rastrear seus mentores (provavelmente a distração dos laços).
Egito
Sua jornada mais estarrecedora até então, foi ao conhecer o primeiro membro de seu grupo, sim, ele havia previsto que teria um grupo, em uma de suas andanças, ao encontrar o cruzamento dos 9 lagos que escorrem para Lua (Asia menor). Entretanto, o primeiro encontro não foi previsto (visões do futuro) como todos os outros, foi no Egito que surgiu o primeiro companheiro, um deus egípcio auto proclamado.


Estabilidade
Após muitas viagens, buscas e desafios, Thundriel junto com seus companheiros decidiram se instalar em uma cidade e criar raízes. Lian já havia arrecadado uma coleção insuperável de livros e manuscritos, sabia centenas de traz para frente, e alguns tinham sua própria versão. Na cidade, através da sabedoria obtida com a convivência de várias culturas e Lacaios eficientes, construiu um forte, refúgio esplendido, impenetrável. Sua mente curiosa e “capacidade de observação” (Mytherceria) tornam seu aprendizado fácil. Nesse período de desenvolvimento da cidade, conquistou novas habilidades como de: ferreiro, carpinteiro, alfaiate.
Obtinha recursos fundamentalmente de dois negócios: da compra e venda de animais de toda parte do mundo, e do centro de estudos holísticos que fundará. Na direção desses empreendimentos, deixava a incumbência dois de seus principais Lacaios, Jasão e Imaltep. O primeiro, Jasão, um “traficante” de animais que conhecerá na África, e uma espécie de Xamanista-Guerreiro tribal. Já Imaltep, era um grande estudioso egípcio iniciado em artes ocultas, vindo de uma linhagem sacerdotal perdida, controlava seu centro de estudos. Tinha mais um grande amparo, seu conselheiro de guerra, um ex-general dos sete reinos, Marduk. O último “amigo”, foi encontrado na beira da morte, após uma batalha terrível nas fronteiras de onde se encontra Constantinopla hoje em dia. Lian, lhe fez uma oferta e ele não recusou, tornou-se seu conselheri de guerra pela eternidade.
Conquistou muito respeito entre os anciões e Kindreds ao longo dos anos, por sempre aparecer com conselhos de sabedoria no momento oportuno, e de certa forma confirmando sua personalidade enigmática, mas bem vinda junto com suas respostas, é claro.






avatar
Dancain
Admin

Mensagens : 30
Data de inscrição : 08/02/2016

Ver perfil do usuário http://rpgnoporao.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum